sábado, 25 de maio de 2013

Anarco V (AV)

Anarquismo de Coringa
Foto da capa:
É o maior exemplo caótico que um anarco-discordiano desvairista porderia seguir, pois a loucura e a anarquia andam juntos nesse personagem, ele não busca nada além da sua missão erítica de levar o CAOS a todos a sua volta.
Vingancismo anárquico de V
É um exemplo revolucionário da luta anarquista contra o sistema fascista dos cristãos, representa um pensamento revolucionário revanchista profundamente anarquista. 
Seus métodos são erísticos, e sua hipocrisia utópica, mas inteligentimente idealista, propaga seus ideias através da anarquia, lembrando o anarco-experimentalismo absurdista e a utópia aquariana e o que gerou no anonymismo dos hackitivistas Cyber-anarquistas. A influência do pensamento de Moonre sobre os seus filmes são muito grande.
Kuringa Anarco-vingancista
A Junção desses ideais chegaram o anarquismo caótico e desvairista dos anarco-discordianos que pregamos tando aqui. Afinal ele revela a hipocrisia desvairista humana, que deseja a distopia e prega a utópia; ou prega a utopia mesmo sabendo que predestinam a distopia...
É a loucura do Coringa e a sagacidade de V que expressam o que os luciferianos muito sabem, que há ordem através do CAOS, e através dele alcançam o que querem. Uma sociedade desvairada é uma sociedade equilibradamente re-destrucionista e que sempre destruirá-se para construir o que os neo-iluministas querem. Uma Elite que guia a Anarquia? Será o mesmo anarquismo desejado por nós desvairistas? Talvez, mas a discórdia e o Desvairismo por mais que se completam, são diferentes, e o crítico de tudo isso é que o Neodesvairismo é crítico e nega a própria negação...
Anarquismo Vigancista _ A-V _ Vegan-Anarquismo Veganarquismo

O Anarquismo Vigancista e desvairismo niilista lembram o YingYang e preto-brando, branco-preto...O V e o A maçônico-esquadro. Intrigante ideologia caótica e discordiana profundamente maçônica? Encontramos os dois cumes, o encontro da hipocrisia desvairista e a Discórdia entre a Nihil e o Caos, o Nada e a Destruição; o Sim e o Não...

Em fim o Vingancismo anárquico se torna ecocêntrico o suficiente para abrir espaço para o Anarquismo aquariano que é cosmocêntrico.
A Nova Era do CAOS está chegando e a Libertação Animal e Social é apenas um passo, os Céus se tornarão em Terra, Interno em Céus e a Terra em Infernos...
A Anarquia é o extremo da liberdade, é prender-se em sua Liberdade, é a libertinagem do hedonismo eudemônico, ser livre é o que importa, e a única maneira de alcançar isso é através do CAOS e da Loucura e finalmente alcançando o Eterno NADA.